Diário da peregrinação européia
36 dias sem tirar de dentro, da Transilvânia à velha Leningrado


Apenas 3 rapazes latino-americanos,
sem dinheiro no banco, ou parentes importantes
Atacama, Machu Picchu e cholitas inclusas


Sites fenomenaiS

sub.bar.os
militância global via marteladas

pablog
o blog do pablo

they rule
eles estão por trás

o horror o horror
divagações, discussão política, ciência

Retratada a fuzarca do já saudoso 13 de julho
Quentão e vinho quente com pinhão e canjica: 
quem não foi respira fundo, 2003 tá logo ali

O Fênomeno.com, nenhum direito reservado. Este site é melhor visto em 800x600
Fale Conosco|Alberto|Nando|Pablo
CabogramA
notícias, indagações e
devaneios, direto da
sucursal de O Fenômeno

Terça-feira, Dezembro 31
Por Alberto Alerigi Jr. 5:25:57 PM
Doce e Triste Argentina
As coisas aqui na Argentina estao normais neste fin de año... As pessoas caminham com suas sacolas de compras perto do obelisco de la nacion en la avenida nueve de julio e las personas pobres caminham com certa timidez ao se aproximarem dos turistas endinheirados pela crise que esse pais atravessa ha 4 anos. O pior eh que ha varias faixas do Menem pelas ruas e se boebar o desgracado vai voltar.

Bom, o que mais posso dizer nesse curto espaco... Me lembrei de un outdoor do Banco de la Nacion: FUERZA NACION! FUERZA ARGENTINA!



Quinta-feira, Dezembro 5
Por Nando Tinoco 9:27:19 PM
Mobilidade sustentável
A indústria do carro é gêmea da do tabaco. Somos reféns, marionetes, joguetes. À apologia do freio-de-mão: Bicicletada, Rua Viva e Carbusters.


Por Nando Tinoco 8:55:55 PM
Por onde andará?
O verão se aproxima, o carnaval desponta no horizonte e cresce o movimento nas areias soteropolitanas, mas toda hora é hora de cantar: volta Simão, você é tradição!


Por Pablo Rocha 8:16:16 PM
Vaaaai, Lorde!
Luis Gustavo Sanches Poloni, renomado jornalista, correspondente internacional, lorde e Fenômeno de carteirinha, está de volta ao seu país de origem. Tatão passará algumas dezenas de dias na cidade da garoa, resolvendo suas pendências, matando as saudades da família e bebendo cervejas com os amigos. O Fenômeno saúda o filho pródigo!